Temas Fechar

O que deve saber antes de comprar casa para arrendar

30 de Novembro de 2020
Créditos de imagem: Adobe Stock

Está a pensar investir na compra de um imóvel para depois arrendar? Descubra tudo o que deve saber antes de tomar essa decisão.

Já alguma vez pensou em comprar casa para arrendar? Há quem se aventure neste negócio como um investimento mais seguro do que outros e há quem pense no negócio dos arrendamentos como uma opção com um retorno financeiro atrativo. Mas será que comprar para arrendar é a melhor escolha para si?

 

Saiba tudo o que deve ter em conta antes de comprar casa para arrendar.

Como anda a sua vida financeira?

Se tiver capital próprio para investir e pagar a pronto, excelente! Mas atenção: não se esqueça de que deverá garantir um fundo de emergência a pensar nas despesas que terá com o imóvel - já lá vamos.

 

No caso de necessitar de pedir financiamento, é importante que saiba que as condições de crédito para segunda habitação são diferentes, principalmente no que diz respeito às taxas aplicadas e ao valor financiado - é provável que o valor que os bancos estão dispostos a financiar, seja inferior ao que é normalmente aplicado nos créditos para casa própria.

 

Primeiro comece por definir o valor que precisa que lhe seja concedido por uma entidade bancária e em quantos anos quer pagar as prestações. Depois pode avançar para a pesquisa e análise das diferentes ofertas para encontrar a melhor solução do mercado para si.

As despesas de que ninguém fala

Já anotou o valor que pretende investir no imóvel? A esse valor vamos agora adicionar aquelas despesas que acabam por cair em esquecimento:

 

  • comissões associadas ao seu empréstimo
  • valor da escritura do imóvel
  • Imposto Municipal sobre Transmissões Onerosas (IMT)
  • valores mensais dos seguros (seguro multirriscos e seguro de vida)
  • Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) (pago todos os anos)
  • despesas do condomínio (se aplicável)

 

A partir do momento em que arrenda um imóvel, passa também a ter responsabilidade de manutenção e reparação do mesmo, por isso é que é importante aquele fundo de emergência de que falávamos há pouco para estar preparado para surpresas inesperadas.

Dificuldades em escolher o imóvel certo?

Já tratou do pedido de crédito, já tem o orçamento definido, falta-lhe agora encontrar a casa certa. Para isso deve ter em conta os fatores que mais valorizam um imóvel: tipologia, estado de conservação do imóvel e a localização.

 

No caso dos imóveis para arrendamento, a sua localização vai interferir no valor das rendas praticadas - é claro que o valor que terá de investir também será maior, mas é uma questão de equacionar as despesas e o retorno que terá. 

 

Casas com áreas de lazer próximas, serviços e transportes tendem também a ter uma maior procura.

 

Para simplificar, peça ajuda a um profissional que o irá aconselhar e apresentar-lhe as melhores oportunidades de negócio disponíveis no mercado.

Como definir o valor da renda?

Para definir um valor de renda para o seu imóvel, tem de ter sempre em conta o equilíbrio entre os custos que a casa terá para si e a procura dos inquilinos que buscam arrendamentos mais acessíveis. Uma renda desajustada da realidade de mercado onde se localiza o seu imóvel, terá menos pessoas interessadas.

 

Aos gastos que já enunciamos no ponto 2, não nos podemos esquecer de somar o imposto de renda, que incide sobre 28% do valor de renda pago pelos arrendatários - um valor pago todos os meses ao Estado pelos senhorios - e os períodos de desocupação do imóvel que podem acontecer por mudança de inquilinos, ou nas situações em que o imóvel é arredando temporariamente a estudantes ou imigrantes, por exemplo.  

O mais importante antes de dar este passo é ter bem assente a ideia de que todos os investimentos representam riscos, embora uns sejam mais elevados do que outros. O nosso conselho é que analise bem a sua situação financeira e se informe junto de um profissional da área financeira e do mercado imobiliário para decidir qual é a opção mais rentável para si.

 

Gostou deste artigo? Leia também: “Crédito habitação: o que é a pré-aprovação e quais as suas vantagens?”

Revisão de conteúdo: Carina Costa - Financial Administrative Manager Zome

Está a pensar investir na compra de um imóvel para depois arrendar? Descubra tudo o que deve saber antes de tomar essa decisão.

30 de Novembro de 2020
Autor:

Catarina Pinheiro

Content Manager
Partilhar:
Publicações recentes
Newsletter
Subscreva a nossa newsletter!
Copyright Zome Portugal® 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade Termos e condições Resolução Alternativa de Litígios