Temas Fechar

E tu, queres ser um líder assim? – Hélder Ferreira

05 de Dezembro de 2019
Créditos de imagem: Adobe Stock

"Se as lideranças pensarem apenas em LUCROS e não valorizarem as suas PESSOAS, o risco de fracassar estará eminente."

Posso falar de mim, de ti ou de nós.

Isto nas empresas faz toda a diferença.

 

As equipas evoluem e superam metas quando todas as suas pessoas se sentem parte importante de todo o projeto.

 

Falar de NÓS nas empresas e não falar apenas de MIM, deve ser uma das principais preocupações dos líderes. Se os líderes pensarem apenas em LUCROS e não valorizarem as suas PESSOAS, o risco de fracassar estará eminente. Não descurar as suas pessoas e valorizá-las, formá-las, fazer com que se sintam parte da empresa, são fatores diferenciadores nos dias de hoje.

 

Quantos de nós já não fracassamos em algum momento? Só por isso deixamos de voltar a tentar? Não aprendemos nada com esse fracasso? Acredito que os fracassos fazem parte do nosso crescimento pessoal e que, se os soubermos valorizar, conseguiremos chegar ainda mais longe.

 

Os colaboradores das empresas também fracassam. Afinal, são humanos. Por isso, líderes, não as penalizem pelo fracasso, incentivem-nas a entender o porquê de terem fracassado para amanhã serem capazes de fazer melhor.

 

Líderes, quantas vezes acham que só vocês sabem fazer as coisas? Já tentaram dar a oportunidade a outras pessoas de fazerem essas tarefas? Já pensaram que esta responsabilização leva, também, a um maior compromisso por parte das pessoas e por, consequência, a uma maior motivação e reconhecimento? Levem as vossas pessoas a pensarem: “A minha empresa é única e eu faço parte do seu crescimento.”

 

Líderes, podemos estar a falar de assumir riscos? Sim, podemos. Mas, todos sabemos que os riscos fazem parte do crescimento natural. Diria “quem não arrisca, não petisca”. Porque não dar uma oportunidade às vossas pessoas? Elas irão agradecer.

 

Recentemente, numa formação em que tive a oportunidade de participar, o formador dizia logo no início: “Vocês serão líderes quando puderem ir para a praia.” Sim líderes. Quando vocês formam, delegam e escutam as vossas pessoas, as vossas empresas não param só porque vocês vão de férias. As vossas empresas continuam, com objetivos claros para todos e com a importância que os mesmos têm.

 

Quando colocam as vossas pessoas em posições levemente superiores àquilo que elas estão habituadas, elas sentem-se ainda mais comprometidas com que nada falhe. Isto é um sinal de confiança!

 

“Não posso falhar. O meu líder confiou em mim.”  Se ainda não ouviu esta expressão, fique preocupado líder. Pode estar perto do fracasso, ou então não é o líder que diz ser. Se as pessoas se sentirem proprietárias do seu negócio estarão mais apaixonadas e apresentarão sugestões e caminhos que até lhe tinham passado ao lado.

 

Líderes, não cometam o erro de fazer com que as vossas pessoas pensem que trabalham apenas pelo salário. A participação das pessoas nas vossas empresas é muito mais do que um salário ao final do mês. Não se esqueçam que quando cuidam das vossas pessoas o risco de estarem rodeados da melhor equipa do mundo é enorme.

 

Dediquem-se e dêem tempo. Conheçam as vossas pessoas. Reconheçam que fracassar faz parte da aprendizagem e aprendam a delegar. Dêem mais oportunidades. Façam-nas sentir que as vossas empresas não seriam as mesmas sem elas. De verdade.

 

Só assim poderão dizer: “Estou na praia e a minha empresa teve o melhor resultado do ano!” “Tenho uma equipa fantástica!”

 

E tu, queres ser um líder assim? Então, de que estás à espera?

"Se as lideranças pensarem apenas em LUCROS e não valorizarem as suas PESSOAS, o risco de fracassar estará eminente."

05 de Dezembro de 2019
Autor:

Hélder Ferreira

Diretor de Formação da Zome
Partilhar:
Publicações recentes
Newsletter
Subscreva a nossa newsletter!
Copyright Zome Portugal® 2019. Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade Termos e condições Resolução Alternativa de Litígios